Eletroneuromiografia em Vitória

/Eletroneuromiografia em Vitória
Eletroneuromiografia em Vitória 2019-06-09T10:57:06+00:00

Eletroneuromiografia em Vitória

 

Situado na Enseada do Suá, próximo ao Shopping Vitória e à Assembléia Legislativa do Espírito Santo, é possível realizar o exame de eletroneuromiografia em Vitória com a mesma qualidade e confiança de um exame realizado em São Paulo. Dr Diego de Castro dos Santos é médico neurologista e neurofisiologista pela USP e atua na realização do exame de eletroneuromiografia nos seus consultórios em Vitória e em São Paulo.

É membro titular da Academia Brasileira de Neurologia (ABN) e da Sociedade Brasileira de Neurofisiologia Clínica (SBNC). Experiência no diagnóstico de Miastenia gravis, Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA), túnel do carpo e outras doenças neurológicas.

Eletroneuromiografia em Vitória

Mas afinal o que é o Exame de Eletroneuromiografia?

O exame de eletroneuromiografia é uma ferramenta indispensável na investigação das doenças que afetam a medula, os nervos sensitivos, os nervos motores e os músculos.

Para avaliação do funcionamento dessas estruturas o exame é dividido em 02 etapas: o estudo da condução nervosa e o estudo por agulha.

No estudo da condução nervosa um pequeno estímulo elétrico é aplicado sobre a pele e é conduzido pelo nervo subjacente. O nervo saudável conduz o estímulo elétrico e um par de eletrodos capta a velocidade, o tempo e outras variáveis desse estímulo. Esses dados são transmitidos a um computador e avaliados pelo médico neurofisiologista.

Concluída a etapa da condução nervosa uma agulha é utilizada para avaliação da musculatura e seu padrão de contração e relaxamento. Após o fim dessas 02 etapas, os dados são analisados matematicamente para a conclusão e elaboração do laudo.

Eletroneuromiografia em Vitória

O exame de Eletroneuromiografia Dói?

Essa é uma pergunta frequente. O estímulo elétrico é pequeno e de rápida duração. A eletroneuromiografia não gera dor e sim um pequeno desconforto.

A avaliação pela agulha é feita apenas com a ponta da agulha. A agulha utilizada é de fino calibre semelhante a de acupuntura.

Os pacientes não devem ter medo do exame uma vez que ele é uma parte importante da investigação neurológica e ortopédica e pode esclarecer muitos casos de pacientes que estão sofrendo por dor, por exemplo.

Quais são os preparos para o exame de eletroneuromiografia?

Não há nenhum preparo específico. No entanto os pacientes devem estar com a pele limpa e, principalmente, sem o uso de hidratantes ou outras loções corporais. Os hidratantes atrapalham o funcionamento adequado dos eletrodos, interferindo na captação dos estímulos elétricos.

No caso do exame de eletroneuromiografia dos membros superiores é preferível o uso de camisetas ou outras vestimentas que deixem os ombros livres como vestidos de alça. É importante que os ombros possam ser de fácil acesso porque são parte importante do exame.

Para o exame de eletroneuromiografia dos membros inferiores ou dos quatro membros é importante não se utilizar calça jeans ou outras calças apertadas. Em alguns casos pode ser necessário avaliar os nervos que tem origem no início da coxa (virilha) e portanto o recomendado é o uso de bermudas ou vestidos. Se você preferir pode levar uma bermuda e utilizá-la no momento em que realizará o exame.

 

O exame serve para avaliar quais doenças?

Em linhas gerais o exame serve para investigar sensação de formigamento, queimação, ardência, dor, dormência, desequilíbrio, dificuldade de coordenação, fraqueza e perda de força nas mãos, braços, pernas, coxas, nas doenças que acometem a coluna cervical e lombar e muitas outras doenças. A eletroneuromiografia está indicada na avaliação de lesões nervosas periféricas focais – síndrome do túnel do carpo, radiculopatias decorrentes de problemas na coluna, paralisias faciais, e na investigação de doenças neuromusculares como polineuropatias, miopatias, Miastenia Gravis e Esclerose Lateral Amiotrófica.

Além disso, pode auxiliar na investigação de distúrbios do movimento, distúrbios autonômicos e incontinência esfincteriana.

Qual a importância de realizar o exame com profissional habilitado?

A avaliação de vários nervos e a interpretação dos resultados é o que permite a correta conclusão do diagnóstico. É comum profissionais não habilitados e não credenciados pela Sociedade Brasileira de Neurofisiologia Clínica oferecerem o exame a baixo custo. A maioria desses exames precisa ser repetido pela baixa qualidade. Além do dinheiro perdido o paciente precisa ser submetido ao desconforto físico do novo exame. Esse é o motivo pelo qual a formação do médico que realiza a eletroneuromiografia é indispensável para a confiança do resultado.

Você tem mais alguma dúvida ou curiosidade sobre o exame de eletroneuromiografia? Complemente sua leitura e aprenda mais sobre o exame e outras doenças em nosso site: https://drdiegodecastro.com/exame-de-eletroneuromiografia/

Informações de Contato

R. Sampaio Viana, 253 - cj123 Paraíso São Paulo - CEP: SP 04004-000

Phone: 11 2638-3067 / 98977-2982

Web: Dr Diego de Castro