São Paulo: (11) 98758-7663 - (11) 3504-4304 | Vitória: (27) 99707-3433 - (27) 99886-7489

Atrofia de Múltiplos Sistemas (AMS) - Origem e Sintomas

A Atrofia de Múltiplos Sistemas - AMS, é uma forma de Parkinsonismo. Muitas vezes, os pacientes com esta doença têm um histórico de receber o diagnóstico de diversos outros distúrbios, até finalmente, identificarmos que se trata de AMS. Isso acontece, principalmente, pela variedade de sintomas compartilhados com outras condições. Segundo a Mayo Clinic, existem diversas formas de parkinsonismo.

O termo atrofia significa uma perda de tecido neuronal, devido à morte de células nervosas cerebrais. Na Atrofia de Múltiplos Sistemas, essa morte celular acontece em diversas regiões do cérebro. Como são diferentes regiões cerebrais que sofrem atrofia, os sintomas parecem até mesmo não ter relação um com o outro.

Sintomas da Atrofia de Múltiplos Sistemas

Podemos classificar os pacientes com Atrofia de Múltiplos Sistemas em dois grandes grupos de sintomas predominantes:

  • Rigidez e Lentidão de Movimentos, por afetar principalmente os núcleos da base
  • Incoordenação e Desequilíbrio, por afetar principalmente o cerebelo

Porque a Doença se Chama Atrofia de Múltiplos Sistemas

Ao longo da história da doença, muitos nomes foram utilizados para descrevê-la, exatamente por ela acometer muitas regiões diferentes do cérebro, aparentemente sem nenhum associação. Por exemplo:

  • Na doença de Parkinson, os sintomas motores são muito característicos
  • Nas ataxias, o desequilíbrio é o sintoma mais característico
  • Na doença de Alzheimer, são os problemas cognitivos que predominam

Mas a Atrofia de Múltiplos Sistemas acaba abrangendo um pouco de todos esses grupos de sintomas.

Dr Diego de Castro Neurologista

Dr Diego de Castro é Neurologista pela USP especialista em distúrbios do movimento e neurogenética. Cuida de pacientes com doenças raras e casos de difícil diagnóstico.

É muito comum pacientes com um suposto diagnóstico de Parkinson evoluirem com piora e ausência de resposta a tratamentos convencionais. Na verdade, este é um sinal de que o caso precisa ser melhor investigado. Nessa situação, há uma grande possibilidade de um diagnóstico de parkinsonismo, principalmente das formas atípicas.

Gostou deste vídeo? Compartilhe com amigos! Siga-nos nas redes sociais.

Aprofunde seu conhecimento lendo outros artigos:

Nossos endereços para atendimento presencial:

Av. Américo Buaiz, 501 – Sala 109
Ed. Victória Office Tower Leste, Enseada do Suá, Vitória – ES, CEP: 29050-911

Telefone: (27) 99707-3433

R. Itapeva, 518 - sala 901 Bela Vista - São Paulo - SP, CEP: 01332-904

Telefones: (11) 3504-4304 e (11) 98758-7663

30 views

Posts mais Populares

Assine nossa Newsletter!

Assine nossa newsletter e receba em seu e-mail todos os nossos novos artigos.

DR DIEGO DE CASTRO

Dr. Diego de Castro dos Santos
Neurofisiologia clínica - RQE 74154
Neurologia - RQE 74153
Diretor Clínico Autor e Responsável Técnico pelo Site – Mantenedor.

Missão do Site: Prover Soluções cada vez mais completas de forma facilitada para a gestão da saúde e o bem-estar das pessoas, com excelência, humanidade e sustentabilidade. Destinado ao público em geral.
NEUROLOGISTA EM SÃO PAULO – SP
CRM-SP 160074

R. Itapeva, 518 - sala 901
Bela Vista - São Paulo - SP 
CEP: 01332-904

Telefones:
(11) 3504-4304
(11) 98758-7663

NEUROLOGISTA VITÓRIA – ES
CRM-ES 11.111

Av. Américo Buaiz, 501 – Sala 109
Ed. Victória Office Tower Leste, Enseada do Suá, Vitória – ES, CEP: 29050-911

Telefones:
(27) 99707-3433
(27) 99886-7489

magnifier
× Como posso ajudar?
linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram