São Paulo: (11) 3504-4304 | Vitória: (27) 99707-3433 - (27) 99886-7489

Tratamento com Fono para Parkinson - Tratamento da Voz Baixa (Hipofonia)

O Tratamento com Fono para Parkinson é muito importante, especialmente para reduzir os sintomas de hipofonia (voz baixa e dificuldade para falar). A hipofonia está presente em quase 90 por cento dos pacientes com doença de Parkinson, geralmente manifestando-se depois de cinco anos e meio a 6 anos após o diagnóstico e dos sintomas motores.

Neste vídeo, Dr Diego de Castro e a Fonoaudióloga Giovana Diaferia explicam sobre o tratamento com fono para Parkinson e como ele ajuda a melhorar a dificuldade com voz e fala desses pacientes.

Hipofonia na Doença de Parkinson

A hipofonia pode começar a manifestar-se em até cinco anos e meio a 6 anos após o diagnóstico.

O paciente começa a articular os sons da fala mais fechados, vai ter uma articulação que a gente chama de uma articulação travada, fechada, e os fonemas vão sair com uma imprecisão articulatória. Então, ao falar com as pessoas, ele não consegue falar com segurança, vai ficando cada vez mais inseguro.

A hipofonia vem de uma alteração das cordas vocais, das pregas vocais, porque elas não tem um fechamento glótico completo. As pregas vocais são dois músculos que ficam paralelos ao solo, aqui na laringe. Para gerarem o som, elas precisam tocar uma na outra quando o ar que saiu do pulmão passa por elas. E na doença de Parkinson, esse fechamento não é completo, o que a gente chama de fenda fusiforme.

Isso vai tornar a qualidade vocal mais soprosa, uma voz mais baixa, o paciente vai falar cansado porque escapa ar pela fenda fenda fusiforme, a fenda característica da doença de Parkinson.

Tratamento com Fono para Parkinson

A Fono vai atuar para melhorar esse fechamento glótico, combatendo a fraqueza muscular com exercícios de esforço fonatório, exercícios atualmente muito divulgados, com muitas pesquisas na área que é o The Lee Silverman Voice Treatment, desenvolvido por um grupo de fonoaudiólogos americanos para tratamento de pacientes com doença de Parkinson.

Dr Diego de Castro Neurologista e Neurofisiologista

Dr Diego de Castro é Neurologista pela USP, especialista em Parkinson e Distúrbios do Movimento e tem a missão de cuidar de pessoas.

Aumente seus conhecimentos sobre a Doença de Parkinson (DP), em nossos outros artigos:

Estamos disponíveis para ajudar nos endereços abaixo:

R. Itapeva, 518 - sala 901 - Bela Vista, São Paulo - SP, 01332-904

Telefone: (11) 3504-4304

Avenida Américo Buaiz, 501 – Ed. Victória Office Tower Leste, Sala 109 - Enseada do Suá, Vitória - ES, 29050-911

Telefone: (27) 99707-3433

Posts mais Populares

Assine nossa Newsletter!

Assine nossa newsletter e receba em seu e-mail todos os nossos novos artigos.

DR DIEGO DE CASTRO

Dr. Diego de Castro dos Santos
Neurofisiologia clínica - RQE 74154
Neurologia - RQE 74153
Diretor Clínico Autor e Responsável Técnico pelo Site – Mantenedor.

Missão do Site: Prover Soluções cada vez mais completas de forma facilitada para a gestão da saúde e o bem-estar das pessoas, com excelência, humanidade e sustentabilidade. Destinado ao público em geral.
NEUROLOGISTA EM SÃO PAULO – SP
CRM-SP 160074

R. Itapeva, 518 - sala 901
Bela Vista - São Paulo - SP 
CEP: 01332-904

Telefones:
(11) 3504-4304
(11) 98758-7663

NEUROLOGISTA VITÓRIA – ES
CRM-ES 11.111

Av. Américo Buaiz, 501 – Sala 109
Ed. Victória Office Tower Leste, Enseada do Suá, Vitória – ES, CEP: 29050-911

Telefones:
(27) 99707-3433
(27) 99886-7489

Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Ao continuar navegando em nosso site, você concorda com o uso de cookies. Leia nossa política de privacidade/cookies para saber mais informações.
magnifier
× Como posso ajudar?
linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram